Loading...

sábado, 7 de setembro de 2013

VIDAS SECAS - GRACILIANO RAMOS

VIDAS SECAS - GRACILIANO RAMOS

Vidas Secas

Narra a história de uma família miserável, a de Fabiano, que desce do Nordeste para o Sudeste em busca de emprego e melhores condições, mas que, claro, só encontra miséria e mais miséria pelo caminho. Vale notar que os personagens são animalizados, quase não falam, e que a cachorra Baleia pensa mais do que os meninos, que nem nome recebem.
A história inicia-se com uma família pobre do sertão nordestino em busca de um lugar para sobreviver. Exaustos, o chefe da família Fabiano, sua mulher Vitória, seus 2 filhos e o cachorro Baleia encontram uma casa e passam a noite, já que ela estava aparentemente abandonada.
De repente chega o dono da fazenda e ameaça expulsar a família da fazenda. Fabiano implora trabalho e acaba ficando na fazenda.
Um ano depois, Fabiano, já era empregado da fazenda e cuidava dos animais como vaqueiro, porém não recebia o salário suficiente por todo trabalho árduo que realizava.
Indo a cidade, Fabiano e a família vão à uma festa regional e Fabiano ao convite de um soldado vai jogar baralho com uns apostadores, apostando todo o seu salário e no momento que percebeu que estava perdendo no jogo, saiu e foi abordado pelo soldado ocorrendo uma discussão entre eles.
O soldado chama a polícia e eles o prendem, acusando-o injustamente e o agridem com um facão.
A mulher e as crianças sentindo sua falta pernoitaram na calçada e no dia seguinte viram o dono da fazenda e o padre indo em direção a prisão. O padre liberou Fabiano da prisão.
O tempo passou e a família foi ficando cada vez mais pobre, pois Fabiano gastava todo o dinheiro no jogo, e sua mulher revoltou-se.
A seca castigava cada vez mais os animais e por isto, Vitória quis fugir da fazenda.
A família organiza a mudança e Fabiano quer matar Baleia que está doente, mas acaba a ferindo com um tiro, porém ela foge. Nisso as crianças choram muito a perda do animal.
Por fim, Fabiano e a família saem em retirada e o sertão continuaria a mandar para a cidade homens fortes, brutos como Fabiano, Sinhá Vitória e os meninos. O ciclo se reinicia.

VIDAS SECAS - GRACILIANO RAMOS


Quem quiser a análise completa, peça-me nos comentários.
O livro pode ser encontrado para compra nos anunciantes.