Loading...

domingo, 18 de setembro de 2011

GABARITO 3° COLEGIAL CNEC Simbolismo


12. Simbolismo
Exercícios de sala
1) a) Duas características simbolistas no poema
são: o misticismo religioso e a musicalidade.
b) A musicalidade podemos ler no uso das figuras
de linguagem conhecidas por aliteração: “Em
violas e violoncelos”. Já o misticismo religioso
pode ser lido no vocabulário metafórico bíblico:
“pomba”, “cordeiro”, “cruz”.
2) a) Paralelismo.
b) O início de cada estrofe revela estrutura sintática
semelhante: “Eras a canção de outrora / Eras a
harmonia esparsa / Eras tudo, tudo quanto”.
3) a) Simbolismo.
b) Em “O vento passa, brando, brando...”, nota-se
a sonoridade típica dos simbolistas ou ainda em
“Escuto e vento assim passar...”, além da sonoridade,
nota-se a presença de elemento sensorial.
4) D 5) D 6) A 7) C 8) C 9) B 10) A
11) a) Descrição detalhada; uso de rimas ricas (com
palavras de classes gramaticais diferentes).
b) “... horror de uma lenda sombria” garante o
mistério típico do simbolismo; “Ouve-se, acaso,
então, vaguíssimo suspiro” presença de elemento
sensorial.
12) a) Uso de métrica rigorosa e de rimas ricas.
b) Excesso de sentimentalismo: “Morrerei de
aflição e de saudade...”
13) C
Exercícios propostos
14) E — C — C — E — C
15) E 16) C 17) E 18) C